20110514

Lateral do Bahia de Feira usa veículo diferente para ir aos treinos: cavalo


Jogadores de futebol adoram carrões. Quanto mais caros e velozes, melhor. O lateral do Bahia de Feira Alyson tem um “veículo” diferente: Mustang, ano 2006, castanho, total flex. O cavalo Mustang se sai melhor que qualquer Ferrari. Nem é preciso botar o pé no acelerador: até parado é uma máquina nervosa e arisca.
O sítio do lateral Alison fica a 2 km do centro de treinamento do Tremendão. Duas vezes por semana, ele tira o Mustang da “garagem” e pega a estrada. Leva meia-hora para chegar ao CT. Se no Flamengo tem bonde sem freio e no Ceará tem carroça desembestada, no Bahia de Feira tem cavalo “avionado”.
- O motor de um Mustang tem muitos cavalos... Nem sei quantos cavalos são. Aqui é um só, mas eu estou muito satisfeito com ele – conta Alyson.
O “carrão” tem direito a estacionamento exclusivo, VIP. Enquanto o lateral sua no gramado, o Mustang descansa sob a sombra de uma árvore. Ao entrar no centro de treinamento, é hora de trocar as botas pelas chuteiras. Mas, mesmo na hora do trabalho, Alyson não tira o olho do Mustang. O jogador tem o maior ciúme, ninguém pode chegar perto do cavalo. Carona para os companheiros ele até oferece, mas ninguém aceita.
Alyson já mostrou que é bom de montaria, mas, neste domingo, vai ter um animal mais feroz pela frente: o desafio é domar o Leão rubro-negro. Mas, para quem era azarão, o Mustang chegou longe. Agora é segurar firme na rédea pra não cair do cavalo.

Crédito: Wesley Souza

Um comentário:

  1. PARABENS MERECE E ISSO AI BAHIA DE FEIRA EM RUMO AO BRASILEIRAO !

    ResponderExcluir